Desmatamento
Deforestation

 

COMO CRIAR UMA AGENDA POSITIVA PARA EVITAR O DESMATAMENTO?

O país precisa aprender com o passado para evitar erros no futuro e criar urgente uma agenda positiva para transformar a nossa economia em uma economia baseada na floresta.

HOW TO CREATE A POSITIVE AGENDA TO AVOID DEFORESTATION?

The country needs to learn from the past to avoid mistakes in the future and to urgently create a positive agenda to transform our economy into a forest-based economy.

 

Participants

Participantes:

Ligia Soares – Copaíba: 

Marcio Isensee e Sá – O Eco: Fotógrafo e videomaker baseado no Rio de Janeiro / Brasil. Entre seus trabalhos estão os filmes: “Andes Agua Amazônia” (2012), “Um Rio em Disputa” (2015) e, mais recentemente, “Sob a Pata do Boi” (2018). Com seus filmes já conquistou os prêmios One Hour Award do FReDD Festival em 2018 (França), Menção Honrosa na 7a Mostra Ecofalante – 2018 (Brasil), Prêmio Lusofonia do CineEco Seia 2015 (Portugal) e o Prêmio Petrobrás de Jornalismo em 2017. 

Marcio Isensee e Sá – O Eco: Photographer and videomaker based in Rio de Janeiro / Brazil. Among his works are the films: “Andes Agua Amazônia” (2012), “Um Rio em Disputa” (2015) and, more recently, “Sob a Pata do Boi” (2018). With his films, he has already won the FReDD Festival One Hour Awards in 2018 (France), Honorable Mention in the 7th Ecofalante Mostra – 2018 (Brazil), CineEco Seia Lusophone Award 2015 (Portugal) and the Petrobrás Journalism Award in 2017.

Víctor Salvati – Fundação Amazônia Sustentável: Biólogo com especializações em gestão ambiental e desenvolvimento sustentável. Mora em Manaus desde 2015 e é apaixonado (e grato) pelas florestas tropicais e os povos da floresta. Possui experiência em mecanismos financeiros para a conservação, política de clima, projetos de carbono florestal e desenvolvimento socioeconômico de comunidades ribeirinhas da Amazônia. Atualmente está como superintendente de Inovação e Desenvolvimento Institucional da FAS e lidera as áreas de pesquisa, desenvolvimento e inovação, comunicação institucional e desenvolvimento de parcerias e captação.

Víctor Salvati – Fundação Amazônia Sustentável: Biologist with specializations in environmental management and sustainable development. He has lived in Manaus since 2015 and is passionate (and grateful) for the tropical forests and the peoples of the forest. He has experience in financial mechanisms for conservation, climate policy, forest carbon projects and socioeconomic development of riverside communities in the Amazon. He is currently the superintendent of Innovation and Institutional Development at FAS and leads the areas of research, development and innovation, institutional communication and development of partnerships and fundraising.

 

 

COMENTÁRIOS: